Banners


Create your own banner at mybannermaker.com!

Aproveitamento do caroço de açaí

< / a >

segunda-feira, novembro 30, 2009

Dinheiro para distribuir panetone não convence

por Alexandre Garcia
Será esta a explicação convincente que o DEM, o Tribunal Superior Eleitoral vão ouvir também do governador Arruda: dinheiro para distribuir panetone?
Depois das imagens gravadas, dizer que é para comprar panetone, pode até pegar nosso primeiro neurônio desprevenido, mas não passa do segundo. Aliás, depois de ter mentido ao negar que participara da violação do painel de votação do Senado, em 2001, e ter confessado a mentira, agora fica difícil encontrar quem acredite na justificativa panetônica da reincidência.
Como vimos, a Câmara Legislativa local se finge de cega e surda. O DEM parece ter recebido os fatos com óculos escuros. Em tudo isso se observa que os envolvidos em mensalões são todos iguais: não acreditam em banco nem em assalto. Só trabalham com dinheiro vivo, não usam a TED bancária. Preferem malas, sacolas, pacotes, cuecas e meias.
Um dos envolvidos foi nomeado pelo governador para o Tribunal de Contas local, para fiscalizar as contas públicas. O secretário Durval, também delegado de polícia, gravou tudo, desde os tempos de Joaquim Roriz, quando começou o processo de compra e venda de pessoas. Saiu Roriz, Arruda rompeu com ele, mas o know-how e o operador teriam permanecido.
As imagens e gravações são arrasadoras. Parece que a saída mais simples seria a renúncia de todos os envolvidos. Como estão citados o governador, o vice, o presidente do Legislativo, na ordem prevista pela lei orgânica, vem o vice-presidente da Assembleia: o cabo Patrício, do PT. Ele é cabo da PM, tem 43 anos.
E as festas do cinquentenário de Brasília, no ano que vem? Terá Brasília ambiente para festejar? Dizem que o santo italiano Dom Bosco profetizara que aqui correriam rios de leite e mel. Derrubaram a profecia. Como vimos, correm rios de dinheiro, em águas turvas, que se contrapõem ao nome da residência oficial do governador, chamada de Águas Claras.

Ex-travesti, Joide Miranda foi destaque no fantástico no domingo, dia 26 de julho


Esta matéria abordou o caso Rozângela Justino, psicóloga evangélica que poderá ter os direitos cassados por apoiar àqueles que desejam abanadonar o comportamento homossexual.

O Fantástico, revista eletrônica da Rede Globo, trouxe ao público no domingo, 26 de julho uma entrevista com o ex-travesti Joide Miranda, hoje casado com Edna Miranda e missionário da Igreja Batista. O casal mora no bairro Cidade Verde, em Cuiabá.


O missionário, em entrevista ao programa Fantástico, comentou sobre seu caso na matéria que tratou da polêmica envolvendo a psicóloga Rozângela Alves Justino, que corre risco de ter o registro profissional cassado pelo Conselho Federal de Psicologia. Ela encara a homossexualidade como um desvio que pode ser tratado. Para isso, oferece terapia para que gays e lésbicas, de maneira voluntária, sejam auxiliados a deixar o comportamento homossexual. Se perder a licença, será a primeira condenação desse tipo no Brasil.


Evangélica, Rozângela diz que algumas pessoas têm atração pelo mesmo sexo "porque foram abusadas na infância e na adolescência e sentiram prazer nisso".


É nesse polêmico debate que entra a história de vida do cuiabano Joide, que iniciou sua vida sexual, como homossexual, aos 12 anos. Aos 15, já estava na prostituição como travesti e, aos 16, mudou-se para São Paulo e, depois, para o Rio de Janeiro. Posteriormente, Joide foi para a Europa, onde morou em vários países. Segundo o missionário, apesar da beleza, glamour e poder conquistados, a infelicidade sentida foi o ponto de partida para refletir sobre sua sexualidade. Ele conta que converteu-se à religião evangélica e teve ajuda da psicoterapia feita com uma profissional em Cuiabá durante três 3 anos. Considera que esse trabalho foi fundamental na sua vida.


"O homossexualismo não é uma doença, por isso não precisa ser tratado como doença. Ser homossexual é uma opção de vida e quando uma pessoa decide não ser mais homossexual pode precisar de um auxílio profissional para resolver conflitos e, no meu caso, traumas de infância", disse o missionário. Edna Miranda afirma que muitas pessoas não acreditam na história de vida do ex-travesti e hoje seu marido. O casal tem percorrido o país para ministrar palestra.

Pastor diz cobras e lagartos da Igreja Assembleia de Deus


Referindo-se ao post “Pastor de Belém assume mega-igreja do interior de São Paulo”, publicamos abaixo comentário de um pastor que preferiu não se identificar:“Parabéns ao pr. Samuel Câmara pela coragem em fazer Obra do Mestre. Enquanto a CGADB e COMIEADEPA fazem politicagem e falcatruas, brigando por causa de posição e igrejas, o pr. Câmara ganha almas pra Deus. Sou pastor, mas como não posso aparecer, minha opinião é como anônimo. Reafirmo que tenho certeza que os pastores J.Weliton e Gilberto precisam se converter e parar de ser interesseiro. O pr. J.Weliton nunca explicou os desvios de dinheiros da CGADB para os assembleianos, e o pr. Gilberto não dar conta nem de corrigir seus pastores que estão podres de ricos e milionários às custos do dinheiro dos fiéis das igrejas que pastoreiam. Seus filhos vivem desfrutando do melhor e do bom; suas igrejas estão mortas espiritualmente e não ganham almas. O pr. Gilberto tem que mostrar suas fazendas, carros, postos de combustíveis. Não se sabe se pastor ou se comerciante. A maioria dos pastores da Comieadepa sao ricos (hic), pois ganham muitos mais que um executivo, pegam todos os dízimos e a igrejas ficam pobres e miseráveis. Nas cidades de Castanhal, Dom Eliseu, Bragança, Paragominas, Marabá etc... OS EVANGÉLICOS DO Brasil TEM QUE SABER A VERDADE, pois esses e outros pastores não saem dessas igrejas por nada, não doutrinam as igrejas, não fazem assistência social, não visitam os pobres, alguns se envolvem em política e pegam até dinheiro de candidatos, enquanto outros vendem as igrejas pra políticos etc. SERÁ QUE ESSES HOMENS VÃO SUBIR PARA O CÉU? Se eles subirem, a Bíblia é mentirosa. SÓ OS LIMPOS DE MÃOS E PUROS DE CORAÇÃO.O pr. Gilberto não é isso que muitos pensam. Ele é mau e gosta de falcatruas. Pelas eleições, pediu votos de todos os ministérios pequenos do Pará. Claro que queria se eleger a quarto presidente da CGADB, e agora anda roubando pastores pra convenção dele a COMIEADEPA".


Obs.: O blog se coloca à disposição da igreja para eventual esclarecimento sobre as denúncias.
Postado por Waldyr Silva às
11:13 0 comentários Links para esta postagem

COMENTÁRIO:

Esses "pastores" são guias cegos. Vejam o que a Biblia fala sobre eles:

"Os seus atalaias (pastores) são cegos, nada sabem; todos são cães mudos, não podem ladrar; sonhadores preguiçosos, gostam de dormir. Tais cães são gulosos, nunca se fartam; são pastores que nada compreendem, e todos se tornam para o seu caminho, cada um para a sua ganância, todos, sem exceção". Isaias 56: 10 e 11.

"Ai dos pastores que destroem e dispersam as ovelhas do meu pasto! - diz o Senhor. Portanto, assim diz o Senhor, o Deus de Israel, contra os pastores que apascentam o meu povo: Vós dispersastes as minhas ovelhas, e as afugentastes, e delas não cuidastes; mas eu cuidarei em vos castigar a maldade das vossas ações, diz o Senhor. Eu mesmo recolherei o restante das minhas ovelhas, de todas as terras para onde as tiver afugentado, e as farei voltar aos seus apriscos; serão fecundas e se multiplicarão. Levantarei sobre elas pastores que as apascentem, e elas jamais temerão, nem se espantarão; nem uma delas faltará, diz o Senhor". Jeremias 23: 1 a 4.

"Porque entre o meu povo se acham perversos; cada um anda espiando, como espreitam os passarinheiros; como eles, dispõem armadilhas e prendem os homens. Como a gaiola cheia de pássaros, são as suas casas cheias de fraude; por isso, se tornaram poderosos e enriqueceram. Engordam, tornam-se nédios e ultrapassam até os feitos dos malígnos; não defendem a causa, a causa dos órfãos, para que prospere; nem julgam o direito dos necessitados". Jeremias 5: 26 a 28.

Todos esses pastores citados na denúncia do "Pastor anônimo", estão enquadrados nos textos bíblicos acima citados. Podem ter certeza, que nem só esses mercenários assembleianos, acrescente também o líder da maior igreja Assembléia de Deus, Ministério Missão em Paraupebas, Pará, Pastor Fenelon Lima Sobrinha, como o Edir Macedo, R.R. Soares e todos que tem o mesmo modus operandis desses tais, irão pagar caro diante de Deus no juízo final. É o meu consolo e deve ser o seu também.

É lamentável que o Pastor anônimo não tenha tido a coragem de assumir sua denúncia, assinando como eu sempre faço. Talvez pelo seu comprometimento com o outro mercenário Samuel Cãmara, que também não tem um histórico muito recomendável como líder religioso. Ele é tão rico quanto aos denunciados pelo "Pastor" anônimo. Leiam abaixo seu último investimento:

No vídeo, Samuel Camara exibe seu avião (Sim, o Samuca também tem aviãozinho!), um King Air, do mesmo que o RR Soares comprou recentemente pela bagatela de 8,5 milhões de reais. Baratinho!

E a lista dos pastores voadores vai só aumentando:

Edir Macedo, RR Soares, Renê Terra Nova e Samuel Câmara!

Ah, convém lembrar que o Silas Malafaia está na fila para comprar seu aviãozinho, graças às ofertas generosas dos seus parceiros fiéis e gideões. Silas é brasileiro e não desiste nunca!

Nem que ele tenha que trazer o Murdok no Brasil, mas que ele vai ter aviãozinho ele vai.

E nós do Púlpito Cristão estaremos aqui para noticiar ao mundinho gospel a conquista do grande servo de Gizuz.

***Postou Leonardo Gonçalves, missionário sem avião, que anda de moto 125cc e viaja de Gol na classe econômica, no Púlpito Cristão.

Fonte: Google.

Valter Desidério Barreto - Escritor e jornalista.

Bebês também são vítimas de pedófilos

Belém registrou no ano de 2008 cerca de 950 casos de crimes de abuso sexual contra crianças e adolescentes. Desses, 62 casos foram contra crianças entre zero e dois anos, com 30 delas tendo que passar por cirurgia de recomposição dos órgãos genitais. Entre as crianças com idade entre dois e cinco anos que sofreram abuso, foram registrados 144 casos no mesmo período.

Esses números estarão no relatório final da Comissão Parlamentar de Inquérito da Assembleia Legislativa, que apura crimes de violência sexual contra crianças e adolescentes. O documento, que estava previsto para ser entregue no mês de dezembro, teve sua divulgação adiada para o mês de janeiro, devido ao volume e a complexidade dos casos, conforme explicou o relator da CPI, deputado estadual Arnaldo Jordy (PPS).

Segundo ele, nos últimos cinco anos, em torno de 100 mil crianças e adolescentes já foram vítimas de abuso sexual no Pará, com 81% dos casos ocorrendo dentro da família, praticado pelo pai ou outros parentes.

“O criminoso é insuspeito e há um medo de denunciar porque, quase sempre, existe uma relação de poder entre abusador e vítima, com as crianças não tendo o poder de se rebelar e denunciar esses crimes por conta dessa relação”, afirma o deputado, lembrando ainda que muitos desses crimes estão ligados à miséria, com muitos pedófilos se aproveitando dessa situação para abusar da vítima. Ele cita, como exemplo, o caso de uma menina de 10 anos, no município de Augusto Correa, que teve que manter relações sexuais com oito homens para receber de cada um deles R$ 10,00.

O parlamentar lamentou também os casos em que os pedófilos fazem apostas para ver quem mantém relações sexuais com a criança/adolescente mais jovem, como se isso fosse natural. “Isso é uma deformação comportamental, com essa situação destruindo não somente uma criança, mas toda uma geração, já que esses crimes deixam seqüelas para a vida toda desses menores”, ressalta, pedindo que a sociedade denuncie para que esses casos não fiquem impunes.

Balanço – Arnaldo Jordy considera positivo o resultado dos trabalhos da Comissão Parlamentar de Inquérito, porque deu visibilidade a um problema que era guardado a sete chaves e mantido pelo pacto criminoso do silêncio, com a Comissão expondo à sociedade os casos envolvendo abuso sexual contra crianças e adolescentes em todas as regiões do Estado.

Ele avalia que a imprensa teve papel fundamental no acompanhamento dos trabalhos da CPI, ajudando a conscientizar a sociedade sobre importância de denunciar esses abusos. A justiça também passou a punir mais. Segundo o parlamentar, em dez meses de trabalho da Comissão, mais pessoas foram presas por esse tipo de crime do que nos últimos três anos.

“A CPI conseguiu melhorar o cumprimento das leis e também agilizar as sentenças para esses crimes no âmbito do judiciário”, disse, deixando claro que a CPI não tem o poder de julgar ou condenar os criminosos, o que é papel da justiça. “O que é positivo é que a sociedade passou a discutir o tema, que estava sumerso e guardado nos armários”, disse.

Com o encerramento dos trabalhos, algumas medidas serão anunciadas dentro do relatório final, entre elas, a criação de núcleos do Propaz e de delegacias especializadas no atendimento às crianças e adolescentes nos municípios pólos do Estado. Há, ainda, a criação de uma subcomissão dentro da Comissão de Direitos Humanos, da Alepa, exclusivamente para tratar desses casos a fim de que as denúncias referentes a esses crimes não encerrem com a CPI. (Tânia Monteiro)

Postado por Waldyr Silva às 11:48 0 comentários Links para esta postagem

domingo, novembro 29, 2009

A ORÍGEM DAS CONTENDAS

“De onde procedem as guerras e contendas que há entre vós? De onde, senão dos prazeres que militam na vossa carne? Cobiçais e nada tendes; matais, e invejais, e nada podeis obter; viveis a lutar e a fazer guerras. Nada tendes, porque não pedis; pedis e não recebeis, porque pedis mal, para esbanjardes em vossos prazeres. Infiéis, não compreendeis que a amizade do mundo é inimiga de Deus? Aquele, pois, que quiser ser amigo do mundo constitui-se inimigo de Deus. Ou supondes que em vão afirma a Escritura (Bíblia Sagrada): É com ciúmes que por nós anseia o Espírito, que ele fez habitar entre nós? Antes, ele dá maior graça; pelo que diz: Deus resiste aos soberbos, mas dá graça aos humildes. Sujeitai-vos, portanto a Deus; mas resisti ao diabo, e ele fugirá de vós. Chegai-vos a Deus, e Ele se chegará a vós outros. Purificai as mãos, pecadores; e vós que sois de ânimo dobre, limpai o coração. Afligi-vos, lamentai e chorai. Converta-se o vosso riso em pranto, e a vossa alegria, em tristeza. Humilhai-vos na presença do Senhor, e Ele vos exaltará”. Tiago 4: verso 1 a 10.

Leia a Bíblia Sagrada.

***CARONAS RELIGIOSAS***


"Ora, tudo faço por causa do evangelho, para dele tornar-me co-participante". (1 Corintios. 9:23)

A freqüência da igreja está comprometida com a lealdade condicional de um exército de caronas que, em vez de produzir edificação para todo o corpo, acaba gerando um mal-estar que prejudica a adoração e o crescimento do trabalho de Deus. O dedo polegar do carona significa: "Você compra o carro, paga pelos consertos, pela manutenção, pelo seguro, enche o tanque de gasolina..... e eu viajarei com você. Mas se houver um acidente, o problema é seu e, provavelmente, eu lhe processarei.

O mesmo acontece com a crença de muitos que freqüentam igrejas: "Vá você para as reuniões e ajude na realização dos programas e eventos, procure saber sobre as necessidades, faça o trabalho e pague as contas necessárias .... eu irei até lá no final de semana para passear.

Mas, se tudo que for feito não me agradar, eu criticarei e reclamarei e, provavelmente, sairei da igreja. Meu dedo polegar estará sempre livre para buscar um passeio melhor.

"Será que nós também não estamos incluídos no grupo dos caronas? Estamos nos oferecendo ao Senhor como soldados do Seu exército, prontos para fazer a Sua vontade ou simplesmente temos esperado que outros trabalhem, sustentem a obra e orem por nós? Compreendemos, pelo nosso próprio envolvimento constante no trabalho do Senhor, as dificuldades que muitas vezes aparecem, oramos pelas soluções e louvamos a Deus pelos resultados ou, apesar de nada fazermos, criticamos quando as coisas não nos agradame, como andarilhos sem rumo, um dia estamos aqui, outro ali e nunca sabemos para onde vamos?

É preciso que, como filhos de Deus, comprados pelo sangue de Jesus Cristo, participemos não somente da colheita das bênçãos, mas também do trabalho de semeá-las para muitosque, neste mundo, estão necessitando do amparo, direção, consolo e salvação do Senhor.

Você vai continuar estendendo o dedo polegar buscando carona na vida espiritual dos irmãos ou vai procurar ser, você mesmo, uma bênção nas mãos de Deus?

Neide Costa

LÂMPADAS INCANDESCENTES

"Levanta-te, resplandece, porque é chegada a tua luz, e é nascida sobre ti a glória do Senhor". (Isaias. 60:1)

Certo homem, visitando um farol, disse ao guardião: Você não tem medo de viver aqui?
É um lugar terrível para se ficar por muito tempo.
Não, respondeu o homem, eu não tenho medo.
Aqui nunca nos preocupamos com nós mesmos.
Nunca se preocupam com vocês mesmos!
Como pode ser isso?
A resposta foi convincente:

Nós sabemos que estamos perfeitamente seguros e só nos preocupamos em manter nossas lâmpadas brilhando e refletindo claramente para que aqueles que estão em perigo possam ser salvos.
É isso que os cristãos deveriam fazer.
Eles estão seguros em uma casa alicerçada na rocha, que não pode ser derrubada pela mais violenta tempestade.
E em um espírito de generosidade santa, deveria deixar sua luz resplandecer através das ondas escuras do pecado, para que aqueles que estão expostos ao perigo, possam ser guiados ao porto da segurança eterna.

Será que tem sido este o nosso interesse espiritual?
Temos estado imbuídos no propósito de fazer a luminária da presença de Cristo em nossos corações brilhar para que, através de sua luminosidade muitos deixem as trevas e encontrem o caminho da salvação e vida eterna?

Temos compreendido que não são apenas os nossos interesses pessoais que devem mover todas as nossas atitudes?
Temos praticado o amor santo, derramado em nós pelo Espírito Santo de Deus, para que muitos outros recebam a mesma bênção que temos recebido e gozem da mesma alegria que tem sido constante em nossa vida?

Deus espera que cada um de nós, alcançados pelo Seu perdão e restaurados para uma nova vida, agora transformada e submissa à Sua vontade, sejamos instrumentos usados por Ele para que muitos, em perigo, encontrem a segurança tão ansiosamente buscada.
Sua luz tem brilhado com intensidade?
Neide Costa

sexta-feira, novembro 27, 2009

Vale e comunidade científica do Pará discutem desenvolvimento sustentável

Parceria entre mineradora, universidades e instituições definirá temas de pesquisa do Instituto Tecnológico Vale.
A Vale promoveu nesta sexta-feira, 27, no Hotel Crowne, em Belém, um workshop que faz parte do Seminário Vale e Comunidade de Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento Sustentável. O evento reuniu pesquisadores de várias universidades e instituições paraenses e de diferentes áreas de conhecimento para discutir e identificar temas que tenham potencial de expansão nas áreas de ciência e tecnologia.
O foco das discussões foi o avanço do conhecimento sobre o tema Desenvolvimento Sustentável. No seminário, após a apresentação institucional da Vale e ITV, os pesquisadores foram convidados a propor ideias que vão orientar futuras linhas de pesquisa inovadoras e estratégicas para o desenvolvimento sustentável do País. "Com esta iniciativa pretendemos descobrir o que a gente nem consegue imaginar ainda", explica Regina Bronstein, gerente-geral do Instituto Tecnológico Vale. "O objetivo da parceria com a comunidade acadêmica é promover novos horizontes para a empresa e para o desenvolvimento tecnológico do Brasil", completa.

Para Luiz Mello, diretor do ITV, "a Vale está propondo uma iniciativa nova para estimular a produção científica de excelência. Teremos unidades do ITV no Pará, São Paulo e Minas Gerais. A vinda de uma unidade do ITV para a capital paraense vai contribuir para o cenário científico da região e contribuir com o crescimento das instituições locais que produzem ciência e tecnologia".
A reitora da UEPA, Marília Xavier Brasil ressalta que a parceria da Vale com as Universidades e demais órgãos demonstra que é possível incorporar ciência para o desenvolvimento humano. "O ITV Pará é muito importante para a comunidade de Ciência e Tecnologia, para os cidadãos paraenses, enfim para a região e para o mundo todo".
João Crisóstomo Weyl, secretário adjunto da Secretaria de Estado de Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia (Sedect) reforça que este projeto da Vale é fundamental e estratégico. "O ITV vem fortalecer as Universidades e demais instituições da área de ciência e tecnologia do Pará".
O Workshop Pará faz parte de uma série de quatro workshops que integram o Seminário Vale e Comunidade de Ciência & Tecnologia. Esta proposta tem como meta identificar as principais linhas de pesquisa que pautarão a atuação da unidade do Instituto Tecnológico Vale que será construída no Pará em 2010. No início deste mês de novembro foi realizado o workshop em São Paulo e, em dezembro, será a vez de pesquisadores de todo o país se reunirem no Rio de Janeiro. A localidade do quarto workshop ainda não foi definida.
A realização é uma parceria Vale com a Universidade Federal do Pará (UFPA), Universidade do Estado do Pará (UEPA), Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA), Museu Paraense Emílio Goeldi (MPEG), Instituto Evandro chagas (IEC), Embrapa Amazônia oriental e Secretaria de Ciência e Tecnologia do Estado do Pará (Sedect).
ITV
O Instituto Tecnológico Vale (ITV) coordena as ações de ciência e tecnologia da Vale e oferece incentivo à produção de pesquisas científicas e ao desenvolvimento econômico de base tecnológica no país. Entre as missões do ITV, esta a de gerar e difundir conhecimentos novos para o desenvolvimento sócio-econômico-ambiental e também para a cadeia da mineração sustentável. O Instituto Tecnológico Vale é uma instituição sem fins lucrativos, de pesquisa e pós-graduação, para inovação em áreas de importância estratégica nacional e corporativa.

A primeira atuação do ITV ocorreu no Pará, no ano passado, através do estímulo à produção acadêmica por meio da destinação de R$ 4 milhões para bolsas de mestrado e doutorado no estado. Os projetos escolhidos têm temas variados e não precisavam estar ligados ao temas da mineração. A proposta desta iniciativa é que a interação empresa, universidade e instituições do governo incentive a produção científica de excelência e beneficie toda a comunidade.
Para mais informações à imprensa: Diane Maués (91) 3215-2462/8406-9026
Belém, 27 de novembro de 2009

Vale promove Visitão Verde e Amarelo

Neste sábado, 28 de novembro, a Vale encerra sua programação 2009 de visitas à Mina de Ferro de Carajás com o Visitão Especial Verde e Amarelo. As 120 pessoas da comunidade de Parauapebas inscritas para o evento, que tem início às 8h, terão a oportunidade de conhecer as instalações industriais da Vale e conferir como é feito o processo de mineração. Além disso, irão conhecer a importância dos minérios no nosso dia a dia e, principalmente, as ações socioambientais desenvolvidas pela empresa. A programação inclui ainda distribuição de brindes e o plantio simbólico de uma árvore no Cineteatro de Carajás. As visitas à comunidade retornarão em abril de 2010.

quinta-feira, novembro 26, 2009

Vale e Aço Cearense entregam ao Governo do Pará Memorando de Entendimento para implantação da unidade de laminação da Alpa

Acordo prevê a realização de estudo de viabilidade para produção de bobinas a quente, a frio e chapa galvanizada
A Vale e a Aço Cearense entregam ao Governo do Estado do Pará, hoje, 26 de novembro, o Memorando de Entendimento firmado entre as duas empresas para viabilizar a produção de aço laminado e revestidos numa área integrada à Aços Laminados do Pará (Alpa), a siderúrgica de Marabá. O documento será entregue durante cerimônia no Palácio dos Despachos. O compromisso tem como objetivo desenvolver um estudo de viabilidade econômica para implantar, em Marabá, uma indústria para produzir laminados a quente (capacidade de 710 Kta), laminados a frio (capacidade de 450 Kta) e galvanizados (capacidade de 150 Kta), com placas fornecidas pela Alpa. O terreno para construção da indústria será concedido em regime de comodato.
O estudo de viabilidade tem previsão para ficar pronto até abril de 2010, cabendo à Vale a responsabilidade em elaborar todo o projeto básico. Caso a mineradora e a siderúrgica cearense decidam pela implantação do projeto, será criada uma empresa com 25% de participação da Vale e 75% de participação do Grupo Aço Cearense, que, a partir daí ficará responsável pela implantação, operacão e comercialização dos produtos da nova empresa. A implantação da nova unidade de laminação implicará um investimento total de US$ 750 milhões.
Sobre o Grupo Aço Cearense
O Grupo Aço Cearense, com sede em Fortaleza (CE), tem trinta anos de atuação no mercado de aço, sendo um dos maiores distribuidores de produtos longos e planos no Brasil, com liderança absoluta nas regiões Norte e Nordeste do país. Com base no ranking do INDA - Institutuo Nacional de Distribuidores de Aço, desde 2008 o grupo é o maior distribuidor independente do Brasil e o segundo maior considerando-se os distribuidores ligados aos grupos siderúrgicos. A abrangência nacional de sua atuação tornou-o referência no setor, mercê também da diversidade de produtos e de sua elevada capacidade de produção e entrega.
Além de suas unidades industriais no Ceará, implantou e opera em Marabá (PA) a primeira siderúrgica integrada das regiões Norte/Nordeste do país, a Sinobras - Siderúrgica Norte Brasil S.A., com capacidade de produção de 350.000 t/a de produtos laminados longos, com um investimento de R$ 800 milhões, que gerou novos empregos e impostos, com foco em um desenvolvimento sustentável, e que hoje já se consolida como um dos grandes players do setor siderúrgico nacional.
Sobre a AlpaA Alpa é um projeto que está sendo desenvolvido integralmente pela Vale e faz parte da estratégia da empresa para fomentar a indústria siderúrgica no Brasil. Desde 2002, a Vale vem estimulando novos projetos siderúrgicos no Brasil, com o objetivo de ampliar a capacidade de produção de aço e promover a siderurgia no país, gerando riqueza, desenvolvimento e criando demanda adicional para o minério de ferro brasileiro. Com a implantação desta unidade de laminação, a Alpa amplia a gama de produtos acabados disponíveis para o mercado do norte, nordeste e centro-oeste, reduzindo a necessidade de importação e fomentando o desenvolvimento da indústria local.
Com previsão de capacidade anual de produção de 2,5 milhões de toneladas métricas de aços semi-acabados (placas) a Alpa será instalada no município de Marabá, no sudeste do estado do Pará, a 485 quilômetros de Belém. A expectativa é de que os serviços de terraplenagem comecem em junho de 2010 e as demais etapas das obras, em outubro. A entrada em operação da usina (alto forno, aciaria e laminação) tem previsão para o segundo semestre de 2013.
Com investimento total estimado em US$ 2,76 bilhões, o empreendimento compreende a instalação de um sistema totalmente integrado: uma usina siderúrgica para produzir placas; um acesso ferroviário, para receber o minério de ferro de Carajás; e um terminal fluvial no rio Tocantins, para receber o carvão mineral e fazer o escoamento da produção siderúrgica. O investimento está sujeito à aprovação do Conselho de Administração da Vale.
No dia 28 de outubro, a Vale entregou ao Governo do Estado do Pará o Estudo de Impacto Ambiental e o Relatório de Impacto Ambiental (EIA/Rima) da Alpa. O estudo é o primeiro passo para a obtenção da licença prévia do empreendimento e será oportunamente revista quando da decisão de sua implantação nos novos moldes.
Contratação local
Para a capacitação da mão-de-obra para o empreendimento, a Vale, a Aço Cearense e os Governos federal, do Estado do Pará e do Município de Marabá desenvolverão programas de qualificação e formação profissional voltados para a comunidade local. O objetivo é aproveitar ao máximo profissionais que moram no estado e na região. A previsão é de que sejam criados 18 mil postos de trabalho no período de implantação da siderúrgica, além de três mil empregos diretos e 12 mil indiretos na fase de operação.
Promoção do desenvolvimento da siderurgia no Brasil
Atualmente, a Vale está diretamente envolvida na viabilização de três grandes projetos siderúrgicos, além da Alpa. No ano passado, a indústria siderúrgica brasileira produziu 34 milhões de toneladas de aço bruto. Os quatro projetos em desenvolvimento podem agregar 15,5 milhões de toneladas de aço à capacidade do setor, ou seja, ampliação de mais de 50% da capacidade de produção nacional atual.
A expectativa é de que cada um desses projetos siderúrgicos contribua para a criação de cerca de 10 mil a 25 mil empregos durante a construção, dependendo da fase de implementação. Na fase de operação, cada projeto pode gerar em torno de 3 mil empregos diretos e outros 15 mil indiretos.
CSU (Companhia Siderúrgica de Ubú)- O projeto, com capacidade de produção de 5 milhões de toneladas de placas anuais, deverá ser instalado no Estado do Espírito Santo. A expectativa é de que a planta entre em operação em 2014.
ThyssenKrupp CSA- Em construção em Santa Cruz, no Rio de Janeiro, é o maior investimento na área siderúrgica em andamento no Brasil. A nova usina terá capacidade de produção anual de 5 milhões de toneladas métricas de placas de aço e entrará em operação em meados de 2010.
CSP (Companhia Siderúrgica do Pecém)- A usina, em parceria com a coreana Dongkuk, terá capacidade de produção anual de 2,5 milhões a 6 milhões de toneladas de placas de aço para exportação. O projeto, no Estado do Ceará, deverá entrar em operação em 2013/2014.
Rio de Janeiro, 26 de novembro de 2009

Vale e comunidade acadêmica do Pará se reúnem para discutir desenvolvimento sustentável


Parceria entre mineradora, universidades e instituições vai definir temas de pesquisa do Instituto Tecnológico Vale
A Vale realiza nesta sexta-feira, 27, no Hotel Crowne, em Belém, um workshop que faz parte do Seminário Vale e Comunidade de Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento Sustentável. O evento irá reunir pesquisadores de várias universidades e instituições paraenses e de diferentes áreas de conhecimento para que, juntos, possam discutir e identificar temas que tenham potencial de expansão nas áreas de ciência e tecnologia.
O foco das discussões será o avanço do conhecimento sobre o tema Desenvolvimento Sustentável. No seminário, os pesquisadores serão convidados a propor ideias que possam orientar futuras linhas de pesquisa inovadoras e estratégicas para o desenvolvimento sustentável do País. "Com esta iniciativa pretendemos descobrir o que a gente nem consegue imaginar ainda", explica Regina Bronstein, gerente-geral do Instituto Tecnológico Vale. "O objetivo da parceria com a comunidade acadêmica é promover novos horizontes para a empresa e para o desenvolvimento tecnológico do Brasil", completa.
O Workshop Pará faz parte de uma série de quatro workshops que integram o Seminário Vale e Comunidade de Ciência & Tecnologia. Esta proposta tem como meta identificar as principais linhas de pesquisa que pautarão a atuação da unidade do Instituto Tecnológico Vale que será construída no Pará em 2010. No início deste mês de novembro foi realizado o workshop em São Paulo e, em dezembro, será a vez de pesquisadores de todo o país se reunirem no Rio de Janeiro. A localidade do quarto workshop ainda não foi definida.
A realização é uma parceria Vale com a Universidade Federal do Pará (UFPA), Universidade do Estado do Pará (UEPA), Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA), Museu Paraense Emílio Goeldi (MPEG), Instituto Evandro chagas (IEC), Embrapa Amazônia oriental e Secretaria de Ciência e Tecnologia do Estado do Pará (Sedect).
ITV
O Instituto Tecnológico Vale (ITV) coordena as ações de ciência e tecnologia da Vale e oferece incentivo à produção de pesquisas científicas e ao desenvolvimento econômico de base tecnológica no país. Entre as missões do ITV, esta a de gerar e difundir conhecimentos novos para o desenvolvimento sócio-econômico-ambiental e também para a cadeia da mineração sustentável. O Instituto Tecnológico Vale é uma instituição sem fins lucrativos, de pesquisa e pós-graduação, para inovação em áreas de importância estratégica nacional e corporativa.
A primeira atuação do ITV ocorreu no Pará, no ano passado, através do estímulo à produção acadêmica por meio da destinação de R$ 4 milhões para bolsas de mestrado e doutorado no estado. Os projetos escolhidos têm temas variados e não precisavam estar ligados ao temas da mineração. A proposta desta iniciativa é que a interação empresa, universidade e instituições do governo incentive a produção científica de excelência e beneficie toda a comunidade.
Serviço:

Seminário Vale e Comunidade de C&T

para o Desenvolvimento Sustentável
Local: Hotel Crowne (Av. Nazaré,375)
Workshop Pará e ITV - 9h às 17h
Visão geral do workshop

Apresentação institucional

Vale e ITVApresentação dos participantes

Metodologia do Workshop

Definição das linhas de pesquisas
Para mais informações à imprensa:
Diane Maués: (91) 3215-2462/8406-9026
Belém, 26 de novembro de 2009

terça-feira, novembro 24, 2009

FAMÍLIA FERREIRA AGRADECE MATÉRIA

Boa Tarde Irmão Valter!

Eu Luiza Ferreira e minha Mãe Lucilene, estamos nos sentindo muito felizes e agradecidas pelas lindas palavras que o Senhor tbm um servo do Deus Altissimo Fez sobre o nosso trabalho com as crianças de Mato Grosso do Sul. Sabemos que "A SEARA É GRANDE, MAS OS TRABALHADORES SÃO POUCOS. LUCAS 10:2a. São com incentivos como os seus que nos leva a fazer o trabalho do Senhor nosso Deus....

Toda Honra e Graças seja dada ao Nosso Deus!

segunda-feira, novembro 23, 2009

MISSIONÁRIOS DE CRISTO: FAMÍLIA FERREIRA DA SILVA EXEMPLO DE DEDICAÇÃO.

Casal Ferreira da Silva, personagem central da nossa matéria.

Na cozinha preparando o lanche da garotada.

Uma das colaboradoras da EBF.

Fila para o lanche.

Atenção absoluta para não perderem nenhum detalhe.

Registro de conclusão da EBF.

Foto de lembrança com a "Tia Lucilene".

As duas filhas do casal "Ferreira", Luiza e Luciane.

Distribuindo a merenda.

Foto com a "Tia Lucilene".

Aprendendo a Palavra de Deus através de canções de louvor.

Atentos as historinhas bíblicas.

Aprendendo a falar com "Papai do céu".

"Irmão" Luiz Ferreira fazendo inscrição dos participantes.

"Irmã" Lúcilene Ferreira, no comando das atividades.

Buscando as crianças em suas casas para a "EBF".

Já está mais que confirmado que nós adultos somos o resultado das influências que recebemos na nossa infância. Tanto que a própria Bíblia, no livro de Provérbios, capitulo 22, verso 6, nos diz assim: “ENSINA A CRIANÇA NO CAMINHO EM QUE DEVES ANDAR, E, AINDA QUANDO FOR VELHO, NÃO SE DESVIARÁ DELE”.
Nos noticiários policiais diários, podemos constatar esta realidade, onde contemplamos pessoas adultas, de cabelos brancos envolvidas em diversas modalidades de crimes, dando péssimos exemplos para as crianças, adolescentes e jovens de todas as classes sociais. Exemplo de famílias inteira envolvida em crimes de toda espécie. Tudo isso fruto de uma má formação doméstica e familiar. Ainda há tempo para aqueles que desejarem fazer alguma coisa para recuperar pelo menos nossas crianças, de um futuro sombrio e incerto, que vivem bombardeadas por esses maus exemplos de quem deveria ser o espelho desses seres inocentes e indefesos, que são muitas vezes, e quase sempre seus pais ou parentes próximos. Foi com essa consciência e sensibilidade cristã, de não ficar apenas contemplando de “camarote” essa “tragédia generalizada” que já faz parte do nosso cotidiano, que o casal LUIZ e LUCILENE, casados há 25 anos, resolveu colocar a “mão na massa” e fazer a sua parte. O que esse casal tem em comum, é a fé fundamentada na Palavra de Deus, como crente em Jesus Cristo, membro da Igreja Batista Central de Barretos, São Paulo. Apesar dos irmãos em Cristo não possuírem nenhum título acadêmico, não foi nenhum obstáculo para levarem a mais de uma centena de crianças mato-grossenses, em período de férias de fim ano, com recursos próprios e ajuda de suas filhas e genro, conhecimentos importantes para moldar suas personalidades de forma lúdica através da ESCOLA BÍBLICA DE FÉRIAS-EBF. O nome já diz tudo: Escola Bíblica de Férias é um programa de férias, que é desenvolvido por uma grande parte de igrejas evangélicas, onde geralmente são convidados a participarem dessa atividade, seminaristas mantidos pelas igrejas que os enviam aos diversos seminários teológicos espalhados nos quatro cantos do Brasil em períodos de férias, para colocarem em prática o que aprenderam durante o ano, sobre evangelismo com crianças de diversas comunidades nos municípios do nosso país. O casal FERREIRA DA SILVA, movido pelo desejo de ser útil a causa do Senhor aqui neste mundo, começou essa atividade com umas poucas crianças em uma comunidade do Mato Grosso do Sul, próxima a divisa de São Paulo, já em 2008, mais de uma centena de crianças participaram dessa “Escola especial”, onde os mesmos aprendem muita coisa sobre a vida de Jesus Cristo, sobre a história da criação do mundo e sobre o plano de salvação para os seres humanos planejado por Deus, através do seu Filho Jesus Cristo. Os resultados desse trabalho tem surpreendido até os pais das crianças que dele participam, porque até o comportamento de suas crianças tem melhorado, não só em casa, como na escola. Tanto que no final de cada "EBF", tanto as crianças como seus pais, perguntam: "Quando voces voltam aqui para nos trazer ensinos que falam de Jesus Cristo?". Essa é mais uma prova incontestável que a fase do ser humano aprender não só as boas maneiras como também saber “O caminho em que deve andar”, é na sua infância, porque depois que se torna adulta, ficará muito difícil ou até mesmo impossível. Só através do Evangelho de Cristo que o ser humano aprende o verdadeiro caminho para uma vida sadia e útil para a sociedade como também a obedecer os princípios de Deus para a sua salvação eterna na pessoa do Senhor Jesus Cristo.
A solução que as autoridades e “especialistas” em comportamento humano estão procurando para combater o índice avassalador de violência contra crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos, está nesse simples e valoroso gesto deste casal servos do Senhor, que sacrificam seu período de descanso de suas atividades laborais nos fins de ano, para dar sua parcela de contribuição na formação de crianças e adolescentes através de uma educação complementar e eficaz. Parabenizamos o casal pela feliz iniciativa de não se acomodar no banco de sua igreja, e não se limita em apenas freqüentar seus cultos nas quartas-feiras e nos domingos, e em obediência ao “Ide” de Jesus Cristo, se dedica ao trabalho de evangelização de crianças sem nenhum interesse de retorno material e financeiro, a convicção que leva o casal Luiz e Lucilene Ferreira da Silva realizar esse grande feito, é a recompensa vinda de Deus nosso Pai Celestial como servos obedientes que devemos ser. Que sirva de exemplo a atitude desse casal, para muitas pessoas que fazem parte de qualquer igreja evangélica, que não fique a mercê da vontade humana em levar a Palavra de Deus a toda criatura em qualquer lugar que estiver ao seu alcance, independente de sua formação acadêmica ou teológica, porque nem sempre esse pessoal que possui esses preparos, está disposto a fazer a vontade de Deus em sair de seu comodismo e marasmo espiritual para conduzir pessoas aos pés de Cristo, especialmente crianças e adolescentes através do ensino autenticamente cristão usando a Bíblia sagrada como base fundamental na formação do caráter e personalidade dos seres humanos.
“OS QUE SEMEIAM EM LÁGRIMAS, COM CÂNTICOS DE JÚBILO SEGARÃO. AQUELE QUE SAI CHORANDO, LEVANDO A SEMENTE PARA SEMEAR, VOLTARÁ COM CÂNTICOS DE JÚBILO, TRAZENDO CONSIGO OS SEUS MOLHOS”. Salmo 126: 5 e 6.
Na seara do Senhor, tem lugar para todos sem exceção, a condição para se ingressar nela, é só se converter ao Senhor Jesus Cristo, transformando-se em uma "NOVA CRIATURA", e se colocando à disposição do Senhor para engajar-se na Sua obra de restauração e regeneração de vidas humanas destruidas pelo pecado. A obra do Senhor não está atrelada a quem quer que seja, somente a Deus, Ele é o dono da obra, e Ele capacita a quem Ele quer quando é convocado. Portanto, se alguém que leu essa matéria sentir-se motivado a fazer a mesma coisa que o casal FERREIRA DA SILVA, Missionários Voluntários está fazendo, é só levantar do seu lugar e cair em campo. JESUS FEZ A SEGUINTE ADVERTÊNCIA: "A SEARA É GRANDE, MAS OS TRABALHADORES SÃO POUCOS. ROGAI, POIS, AO SENHOR DA SEARA QUE MANDE TRABALHADORES PARA A SUA SEARA". LUCAS 10:2. O dono da Seara é o Senhor e não "comedores de feijão" aqui na terra e tão pouco grupos religiosos.

Valter Desiderio Barreto.

sábado, novembro 21, 2009

Idade dos parceiros influencia na felicidade do casamento

Casal perfeito seria com mulher pelo menos cinco anos mais nova, diz estudo.

Homem mais velho e mulher mais jovem. Será essa a fórmula da união perfeita? Pelo menos é o que diz um estudo recente feito pela universidade britânica de Bath e publicado na revista European Journal of Operational Research, que afirma que um casamento feliz é resultado da escolha de uma esposa inteligente e com, pelo menos, cinco anos a menos que seu parceiro. Segundo os pesquisadores, as chances do relacionamento dar certo são ainda maiores se nenhum dos dois parceiros tiver se divorciado em algum momento da vida.

A pesquisa avaliou mais de 1,5 mil casais durante cinco anos e, após esse período, foi verificado quais ainda estavam juntos. Segundo os pesquisadores, as chances de divórcio aumentaram em três vezes quando a esposa era mais velha em cinco anos ou mais. Já, quando o homem era mais velho, as chances de um casamento de sucesso cresceram.

O que também influencia na felicidade do casamento, segundo a pesquisa, é o grau de escolaridade da mulher. Quanto maior for o grau de educação, maiores as chances de o casamento dar certo.

Outro ponto analisado pelos pesquisadores britânicos foi a possibilidade de um divórcio decorrente de outro relacionamento. Segundo a pesquisa, quando não houve divórcio por nenhuma das partes, as chances de um casamento duradouro crescem. Enquanto casais com apenas um parceiro divorciado têm possibilidades de serem menos estáveis do que se os dois fossem divorciados. Segundo os pesquisadores, os resultados mostram que fatores como idade, educação e origem cultural também devem fazer parte dos critérios na hora de escolher um parceiro, visando um casamento duradouro.

Mulheres casadas têm mais fantasias sexuais com outros homens

Atores Ben Affleck e Will Smith são os mais cotados pelas americanas, diz estudo.


Depois de dizer o "sim" no altar, a imaginação feminina pode ser mais picante do que a masculina, quando o assunto é sexo. Pelo menos é o que constata um estudo realizado pela Universidade da Pensilvânia, realizado com mais de três mil mulheres casadas dos Estados Unidos. De acordo com a pesquisa, após o casamento, a relação que a mulher estabelece com o sexo muda, fazendo com que ela tenha mais fantasias sexuais com outros homens.

A pesquisa mostrou ainda que os atores hollywoodianos Ben Affleck e Will Smith são considerados os casados famosos mais presentes nas fantasias sexuais das americanas avaliadas.


Durante o estudo, foram feitas perguntas para homens e mulheres sobre sexo, amor e fantasias sexuais. O questionário envolvia perguntas como: "Você tem vontade de sair com outros homens?" ou "Você se casaria com a mesma pessoa novamente?".

Os resultados dos testes revelaram que 49% das mulheres consultadas sentem vontade de transar com outros homens, sendo que 34% delas não se casaria com o mesmo homem. Enquanto os homens apresentaram-se mais recatados: 36% sentem vontade de manter relações sexuais com outras mulheres, destes, 43% já mentiram sobre traição para as esposas e apenas 15% se casariam com outras mulheres.


Outras perguntas revelaram que 76% das mulheres consultadas guardam segredos dos maridos, e ainda, que 84% gostariam de saber se o parceiro a engana com outras. Mais de um terço das mulheres ouvidas disseram que se apaixonam por outros homens de forma constante e acham isso natural.


Para os pesquisadores, o estudo indica uma mudança comportamental das mulheres em relação ao sexo e ao prazer. Segundo eles, as mulheres deixaram de associar sexo ao amor e se sentem mais livres para colocar para fora suas emoções e sentimentos, que durante décadas foram reprimidos por questões culturais.

sexta-feira, novembro 20, 2009

Senadores e deputados pedem audiência com Lula sobre caso Battisti

Eles querem expor ao presidente motivos para manter Battisti no Brasil.
STF determinou extradição, mas deu palavra final a Lula.


Um grupo de oito senadores e cinco deputados pediu nesta sexta-feira (20) uma audiência com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva para debater o caso de Cesare Battisti. Nesta quarta-feira (18), o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu pela extradição do ex-ativista italiano, mas deu a palavra final ao presidente da República.

O pedido de audiência foi feito pelos parlamentares defensores de Battisti. Eles acreditam que os crimes cometidos pelo ex-ativista italiano tem caráter político e, por isso, ele poderia ficar no Brasil. Ele está em greve de fome no presídio, em Brasília.

“Solicitamos a Vossa Excelência uma audiência, com a urgência que o caso requer, para apresentarmos as razões e os motivos que nos levam a propugnar pela permanência de Cesare Battisti no Brasil e o reconhecimento de sua condição de refugiado”.

Além dos parlamentares de PT, PSOL, PRB, PDT, PC do B e PMDB, assinam o pedido de audiência o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil do Rio de Janeiro, Wadih Nemer Damous Filho, o presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Arthur Henrique, e a Comissão Nacional de Justiça e Paz da Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

COMENTÁRIO:

É UMA GRANDE FALTA DE VERGONHA DESSES POLÍTICOS BRASILEIROS QUERER LEGISLAR A FAVOR DE PERMANÊNCIA DE UM CRIMINOSO FRIO E CALCULISTA COMO ESSE BANDIDO BATTISTI, COM A ANUÊNCIA DA "CONFEDERAÇÃO NACIONAL DOS BISPOS DO BRASIL (CNBB) E REPRESENTANTES DE OUTRAS ENTIDADES QUE NÃO REPRESENTAM O PENSAMENTO DA MAIORIA DO POVO BRASILEIRO QUE JÁ NÃO AGUENTA MAIS A BANDIDAGEM DO BRASIL, E AGORA TERÁ QUE ASSISTIR ESTE ACINTE CONTRA TODOS NÓS BRASILEIROS HONESTOS QUE NÃO TEM O DIREITO DE IR E VIR PELO CRIME ORGANIZADO QUE ESTÁ MANDANDO NO NOSSO PAÍS. PERDURANDO A TRADIÇÃO DAS AUTORIDADES BRASILERA EM ACOBERTAR E PROTEGER BANDIDOS ESTRANGEIROS COMO FOI O CASO DE RONALD BIGGS, ASSALTANTE DO TREM PAGADOR QUE SE EXILOU NO BRASIL POR MUITOS ANOS, ESSE CRIMINOSO ITALIANO CONTUMAZ, DEVERÁ TER SEU PEDIDO DE PERMANÊNCIA ACEITO COMO PRÊMIO PELOS SEUS CRIMES COMETIDOS NO SEU PAÍS DE ORÍGEM SOB O "MANTO" DE MOTIVAÇÃO POLÍTICA, NESTE PAÍS QUE NÃO CUIDA DOS SEUS FILHOS HONESTOS E TRABALHADORES. DIANTE DE DEUS NÃO EXISTE MOTIVOS PARA SE TIRAR A VIDA DE NINGUÉM E SE FICAR IMPUNE. O POVO BRASILEIRO DEVERÁ FICAR ATENTO PARA AS ELEIÇÕES DO PRÓXIMO ANO E COM A SUA ARMA PODEROSA, ESCOIMAR DO CENÁRIO POLÍTICO BRASILEIRO TODOS OS POLÍTICOS QUE ESTÃO SE EMPENHANDO PARA MANTER ESTE CRIMINOSO SANGUINÁRIO EM SOLO BRASILEIRO. INCLUSIVE O SR. PRESIDENTE LULA AMARGARÁ UMA TERRÍVEL E EXEMPLAR DERROTA NAS URNAS ATRAVÉS DO SEU SUCESSOR OU SUCESSORA.

ACORDA BRASIL!


POR FAVOR FAÇA UM COMENTÁRIO NESTA MATÉRIA QUE PUBLICAREMOS, QUEM SABE SEU COMENTÁRIO PODERÁ INFLUENCIAR NA DECISÃO FINAL DO PRESIDENTE LULA DEPORTANDO ESSE CRIMINOSO PARA SEU PAÍS DE ORÍGEM?


Valter Desiderio Barreto

quinta-feira, novembro 19, 2009

Após proibição do prefeito, Parada do Orgulho Gay leva 200 mil às ruas de Duque de Caxias.




Finalmente aconteceu a 4ª Parada do Orgulho Gay de Duque de Caxias, reunindo cerca de 200 mil pessoas, segundo a Polícia Militar. Impedida pelo prefeito da cidade, José Camilo Zito dos Santos, a Parada estava marcada para acontecer no dia 11 de outubro.

No entanto, na época, o prefeito alegou que os organizadores não haviam pedido em tempo hábil a autorização para o evento. Foi então que, neste domingo, com forte calor e um atraso de duas horas, os participantes tomaram conta da Avenida Brigadeiro Lima e Silva ao som de muita música eletrônica, que vinha dos três trios elétricos que animavam a manifestação.

Entre as personalidades, estavam os pastores gays da Igreja Cristã Contemporânea, Fábio Inácio, 30, e Marcos Gladstone, 33, que exibiam um cartaz pelo direito de ser gay e cristão (foto acima). O casal se tornou conhecido após anunciar seu casamento em cerimônia evangélica que acontecerá no próximo dia 20, no Rio.

O ministro do Meio Ambiente Carlos Minc também marcou presença no desfile, que terminou no Passo da Pátria, cerca de 1,5 quilômetro depois, ao som da bateria da escola de samba Grande Rio.


COMENTÁRIO:

Quem conhece a Bíblia Sagrada, sabe que o homossexualismo é uma opção de vida daqueles que sempre procuraram contrariar os princípios de Deus, culminando com a destruição de duas cidades, Sodoma e Gomorra, que nem mesmo os dois anjos enviados por Deus para destruírem áquelas cidades pela prática do homossexualismo, foram poupados pelos Sodomitas (homossexuais) Gênesis 19. E no Livro de Juízes, capitulo 19, é registrado mais um episódio sobre essa prática abominável ao Senhor Deus. Quanto aos “Pastores gays” dizerem que tem direito de serem “gay e cristão”, não discordamos, porque Deus nos deu o livre arbítrio para fazermos de nossas vidas o que quisermos, porém, no dia do julgamento final, todos nós daremos conta de tudo aquilo que fizemos e praticamos aqui neste mundo que “jáz no maligno”. Em Iº Coríntios, capítulo 6, à partir do verso 9, a Palavra de Deus diz que nem os efeminados e nem os sodomitas (homossexuais passivo e ativo) não herdarão o reino de Deus. Em João 9, está claro que Deus não atende orações de pecadores. “Sabemos que Deus não atende a pecadores; mas, pelo contrário, se alguém teme a Deus e pratica a sua vontade, a este, atende”.
Para finalizar meu comentário, quero ensinar aos “intelectualóides” que a palavra CASAL, não se aplica jamais a dois seres do mesmo sexo, porque em qualquer dicionário do mundo, esse termo é aplicado entre seres de sexos opostos. “Criou Deus, pois, o homem à sua imagem, a imagem de Deus o criou; HOMEM e MULHER os criou”. Gênesis 1:27. Em Romanos capítulo 1, verso 26 e 27, temos a seguinte observação: “...Por causa disso, os entregou Deus a paixões infames; porque até as mulheres mudaram o modo natural de suas relações íntimas por outro (lesbianismo), contrário a natureza; semelhantemente, os homens também, deixando o contacto natural da mulher(relação sexual com mulher), se inflamaram mutuamente em sua sensualidade, cometendo torpeza, homens com homens(homossexualismo), e recebendo, em si mesmos, a merecida punição do seu erro”.
Com certeza, o pecado do homossexualismo é igual a qualquer outro tipo de pecado, Deus perdoa tanto o ladrão, o assassino, o adúltero, o feiticeiro, o macumbeiro, o religioso, o católico, o espírita, desde que cada um se arrependa e entregue a sua vida incondicional a Jesus Cristo e se regenere, tornando-se uma “Nova Criatura”, obedecendo a Deus, estão incluidos nessa situação, os homossexuais. Basta reconhecerem que estão cometendo pecado diante de Deus e se arrependam, abandonando essa prática sexual abominável diante de Deus, que Ele perdoa. Mas se todos que praticam qualquer tipo de pecado e não se arrependem antes de morrer, seu lugar já está reservardo no fogo do inferno junto com Satanás e seus anjos.

Valter Desiderio Barreto - Escritor/jornalista/Ex-Professor de Psicologia,Filosofia,Sociologia/Teólogo e servo do Senhor Altíssimo

quarta-feira, novembro 18, 2009

O NATAL EXISTE DESDE MUITO ANTES DE JESUS CRISTO TER NASCIDO.


No hemisfério norte o dia 25 de dezembro, tanto para o homem como para os animais que vivem nas florestas, é a entrada do rigor do inverno. 

Quem não fez a sua toca, quem não guardou seus alimentos para comer junto de sua família, todos aquecidos uns perto dos outros, quem não se preparou, morre, porque o inverno é uma tristeza só.


Além disso, nozes, avelãs, e castanhas, são as comidas que os esquilos e outros animais guardam em suas tócas para sobreviverem ao inverno, não faz sentido consumir toneladas desses produtos aqui no Brasil um país tropical aonde no natal é verão e não precisamos dessas comidas que deveriam estar nas florestas salvando a vida dos animais mas por motivos comerciais vem aqui parar nas mesas dos brasileiros. 

Muitas outras coisas não fazem sentido no natal. 

No Brasil não cai neve no natal mas, eles forçam a barra e eu mesmo já vi chuva de farelo de isopor no shopping center imitando a neve. 

Nessa data 25 de dezembro, desde muito antes de Cristo, sempre foi o dia de dar graças à Deus; Dia de Ação de Graças. 

Os povos antigos acreditavam que Deus é o Sol e assim davam graças ao Sol que nos aquece justamente na hora que mais se precisa do calor do Sol ou seja no início do rigor do inverno.

O deus Mitra dos romanos era comemorado com festa de fartura de pão e vinho todos os anos no dia 25 de dezembro desde muito antes do nascimento de Jesus Cristo.

Ano 391 - O Imperador Romano Constantino proclama o cristianismo como religião oficial do Império Romano, e assim ocorre o apocalipse de Jesus Cristo.

Apocalipse vem do Grego “apokálypsis”, significa a ação de descobrir um novo Deus, a revelação de um novo Deus.

Apocalipse não tem nada há ver com o fim do mundo, tem a ver com a queda de um Deus e a revelação de um outro.

Com o fim do mitraísmo, queda do deus Mitra e, com o apocalipse do então novo Deus revelado Deus Jesus Cristo seu aniversário começou a ser comemorado neste mesmo dia 25/12 e, a eucaristia é feita com pão e vinho o ano todo nas missas justamente porque o deus Mitra era assim comemorado também, com fartura de pão e vinho.

Portanto as tradições permaneceram as mesmas, apenas um deus substituiu o outro e os cultos foram ajustados a essas mudanças.

Sabemos que Jesus nasceu 33 anos antes de ser crucificado porque se Jesus foi julgado aos 33 anos pelo Rei Herodes o Grande Rei dos Judeus certamente Herodes ainda estava vivo quando julgou Jesus e, de forma documentada, o Rei Herodes, faleceu no ano 4 a.C. ano este que é determinado pelas informações dadas por Flávio Josefo historiador do antigo império romano e, essa data foi determinada precisamente considerando os eclipses lunares ocorridos na Páscoa e aos acontecimentos astronômicos que acompanharam a morte do Rei Herodes, tal como foi calculado por Kepler também. 

As datas do nascimento e da crucificação de Jesus, se perderam na história. 

Se o Rei Herodes morreu dois anos depois de julgar Jesus, então o julgamento e a crucificação aconteceram no ano de 6 a.C. portanto calculando 6+ 33 + 2013= 2052 se o natal significa o aniversário de Jesus então nosso calendário está 39 anos atrasado!!!
Portanto meus amigos... 

Tenham todos um feliz 2052.


COMENTÁRIO:

De acordo o que lemos no texto acima, fica comprovado que 25 de dezembro não tem nada a ver com o nascimento de Jesus Cristo. 

Trata-se de mais uma mentira do Vaticano, tirando proveito da ignorância dos seres humanos para se perpetuar no poder eclesial no mundo. 

Sendo assim, os verdadeiros cristãos não comemoram essa data mentirosa pagã, que se transformou simplesmente em um período favorável ao aquecimento das vendas no comércio, onde se vende de tudo, desde presentes para parentes e amigos, até símbolos do paganismo europeu como bonecos de "papai Noel" árvore de natal, "menino Jesus na manjedoura" e outros.   


Valter Desiderio Barreto

VSE doa turbina a gás ao Instituto Tecnológico de Aeronáutica


A Vale Soluções em Energia (VSE) vai doar hoje, dia 18 de novembro, ao Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), em São José dos Campos (SP), o primeiro protótipo de turbina a gás desenvolvido no Brasil, a TVSE1000. A TVSE1000 será a primeira turbina para geração de energia limpa desenvolvida pela VSE em parceria com o Instituto. O investimento para o desenvolvimento do protótipo foi de R$ 1,7 milhão.
Além da doação do equipamento, a VSE assina convênio com ITA para a criação de um curso de mestrado em turbinas, que contará inicialmente com 20 bolsas financiadas pela empresa. Será entregue ainda o projeto arquitetônico de duplicação das instalações do ITA, patrocinado e custeado pela VSE.
A duplicação das instalações possibilitará dobrar a capacidade de formação de engenheiros no ITA, dos atuais 120 para 240 alunos por ano. O projeto prevê ainda a reforma completa das instalações e laboratórios do Instituto. Esta iniciativa abre caminho para que o ITA receba financiamentos de empresas e instituições para a execução das obras físicas, estimadas em R$ 50 milhões. "A VSE vem contribuindo, desta forma, para o desenvolvimento tecnológico do país, com o objetivo de obter capacitação e independência tecnológica na área de geração de energia", destaca James Pessoa, diretor-presidente da VSE.

A turbina a gás tem capacidade para gerar 1000 kW, energia suficiente para atender a uma cidade de 3 a 4 mil pessoas, e pode emitir, dependendo da faixa de potência, de 15% a 40% menos poluentes que uma turbina movida a diesel, usada em termelétricas.
VSE
A Vale Soluções em Energia foi criada em dezembro de 2007, por meio de uma associação entre a Vale e o BNDES. O objetivo é desenvolver programas na área de geração de energia, com ênfase em processos de geração ambientalmente sustentáveis e no uso de fontes energéticas renováveis.

Para viabilizar a execução dos programas, foi criado o Centro de Tecnologia da VSE, instalado no Parque Tecnológico de São José dos Campos. Desde a assinatura do contrato de parceria entre a Vale e o BNDES, já foram aplicados R$ 320 milhões na estruturação da empresa e em seus programas tecnológicos.
Rio de Janeiro, 17 de novembro de 2009

Assessoria de Imprensa - Tel: 21 3814-4360/6301/9806

Mônica Ferreira

www.vale.com/saladeimprensa

Britânica que diz ter 300 orgasmos por dia encontra "homem dos sonhos"

Michelle Thompson e Andrew Carr namoram há seis meses.

Casal britânico afirma que faz sexo 10 vezes ao dia.

Portadora da Síndrome da Excitação Sexual Permanente, a britânica Michelle Thompson diz que tem 300 orgasmos por dia e que, finalmente, encontrou o parceiro ideal. De acordo com reportagem do jornal "News of the world", Michelle, de 43 anos, pensava que nunca teria um homem que pudesse satisfazê-la. Depois de alguns namorados, ela encontrou no vizinho Andrew Carr, de 32 anos, a solução para seu problema – o casal afirma que faz sexo 10 vezes ao dia.

Michelle Thompson e Andrew Carr dizem que transam 10 vezes ao dia.
"O Andrew mudou a minha vida. Já não estou à procura de uma cura para o meu problema com os orgasmos. Já o descobri!", disse a moradora de Nelson, na Inglaterra. Segundo Michelle, seu primeiro namorado a deixou porque não aguentava suas exigências. Ao longo dos anos, outros homens também não conseguiam acompanhá-la. "Eu sei que eu tenho sorte de ter tantos orgasmos quando há mulheres que nunca tiveram um. Mas esta situação arruinou a minha vida amorosa", afirmou. O problema causou alguns constrangimentos à britânica, que teve de deixar um emprego em uma fábrica de biscoitos porque ficava excitada com as máquinas. Mãe de quatro filhos, Michelle agora pensa em morar com Andrew, o "homem de seus sonhos". "Eu estive à procura de alguém como ele durante muito tempo. Finalmente, sinto que estou no céu", declarou.

terça-feira, novembro 17, 2009

Convênio entre Vale e Rede Celpa contribuirá para o desenvolvimento de Ourilândia do Norte e Tucumã


Convênio entre Vale e Rede Celpa contribuirá para o desenvolvimento de Ourilândia do Norte e Tucumã
Cerimônia de assinatura de convênio marca a entrega do novo sistema de distribuição de energia
Uma parceria inédita no Brasil vai gerar inúmeros benefícios e disponibilizar energia de melhor qualidade para municípios do sudeste do Pará. A parceria vai ser concretizada por meio de uma cerimônia nesta quarta-feira, 18, onde será realizada a assinatura oficial de um convênio entre a Vale e a Celpa, às 14h, no Centro de Educação Profissional, em Ourilândia do Norte, a 925 Km da capital Belém.
A participação da Vale nessa parceria é ceder uma parte da capacidade ociosa da subestação da unidade operacional Onça Puma, em Ourilândia. Este suprimento terá a capacidade de atender uma população de 100 mil pessoas envolvendo os municípios de Ourilândia do Norte, Tucumã e também São Felix do Xingu, além de liberar mais energia para Xinguara e região.

A operação industrial de Onça Puma não afetará o fornecimento de energia para a comunidade, pelo contrário, a Vale está disponibilizando capacidade livre atualmente no seu sistema de 230kV, não sendo necessário nenhum investimento das prefeituras dos municípios. No entanto, o valor do investimento da Vale para levar a energia de Canaã dos Carajás à Ourilândia é de cerca de R$ 218 Milhões. Desta forma, Ourilândia do Norte é uma experiência inédita no País, pois não existe outro caso em que uma concessionária compartilhe o sistema de distribuição com um consumidor.
Atualmente, a insuficiência da capacidade do sistema de energia elétrica da região para a demanda é uma das principais deficiências dos municípios de relacionamento do Projeto Onça Puma, que está em fase de implantação. E como energia elétrica é um setor estratégico para o desenvolvimento socioeconômico da região, o convênio entre as duas instituições vai ampliar o fornecimento de energia elétrica por meio do uso da linha de transmissão construída pela Vale com 257 km de extensão, que leva energia ao Projeto Onça Puma. Com esta parceria, a Celpa poderá utilizar também dessa energia da Linha de Transmissão.
A parceria já foi autorizada pelos Ministério de Minas e Energia, Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) e demais órgãos competentes. A energia que vai para a Celpa fisicamente vem do mix de geração do sistema interligado, cuja matriz primária é quase em sua totalidade de origem hidráulica
A operação conjunta Vale/Celpa vai aumentar a qualidade da energia de Ourilândia e Tucumã sensivelmente, com imediato impacto social positivo nas comunidades. Este novo sistema ampliará a capacidade de transformação para atender a crescente demanda do comércio, indústria e população, além de melhoria na qualidade de fornecimento para os consumidores já atendidos com a redução significativa dos desligamentos e a queima de equipamentos.
Segundo Paulo Cezar Esteves, Gerente Geral de Responsabilidade Social Norte, com a parceria, a Vale busca inserir sempre sua responsabilidade social apoiando os municípios onde a empresa está inserida, contribuindo na melhoria da infra-estrutura e gestão publica, bem como no desenvolvimento humano e econômico, executando ações que melhorem a qualidade de vida da população.

A obra, sob responsabilidade da Celpa, foi iniciada em meados de julho deste ano com previsão de conclusão até dezembro de 2009. Esta conexão vai operar até o final de 2011 e, a partir de 2012, a Celpa implantará na região um novo reforço do sistema elétrico que irá atender as cargas atuais e futuras de forma definitiva. O reforço do sistema a partir de 2012 também só será possível em função do investimento da Vale, onde a conexão partirá da subestação (SE) INTEGRADORA e alimentará a SE XINGUARA da Celpa em 230kV.
Serviço: assinatura de convênio entre a Vale e a Rede Celpa, quarta-feira, 18, às 14h, no Centro de Educação Profissional, R. Kayapó nº 9, Setor Novo Horizonte, em Ourilândia do Norte.
Para mais informações à imprensa:
Diane Maués: (91) 3215-2462/8406-9026

Belém, 17 de novembro de 2009


Assessoria de Imprensa - Tel: 91 3215-2461 / Cel: 91 3215-2462

Lívia Amaral (Belém) - Tel: 91 3215-2460 / Cel: 91 9100-9276

Regina Rozin (Sudeste do Pará) - Tel: 94 3327-4763 / Cel: 94 8803-1039

www.vale.com/saladeimprensa

Contas da Igreja Universal movimentaram R$ 1,4 bilhão

O pedido de cooperação internacional feito pelo Ministério Público de São Paulo ao governo dos EUA para investigar as contas relacionadas ao bispo Edir Macedo, líder da Igreja Universal, tem como alvo a movimentação financeira de seis empresas "offshores" ligadas a cinco doleiros brasileiros que movimentaram, somente nos EUA, ao menos US$ 862 milhões, ou R$ 1,47 bilhão, ao câmbio de ontem, informa reportagem de Rubens Valente e Mario Cesar Carvalho, publicada nesta terça-feira pela Folha (a íntegra está disponível para assinantes do jornal e do UOL).
O valor foi obtido a partir dos arquivos da CPI do Banestado e de decisão tomada em 2005 pelo juiz federal do Paraná Sergio Moro, que acolheu denúncia contra operadores da casa de câmbio Diskline.
Segundo a reportagem, a agência, que tinha sede em São Paulo e filial carioca mas hoje está desativada, é investigada por suposto envio, fora do canal do Banco Central, de US$ 1,8 milhão para uma conta da Universal nos EUA, como a Folha revelou em setembro.
A devassa pedida pelos promotores atinge toda a movimentação das seis "offshores", sediadas em paraísos fiscais, mas nem todo o dinheiro está relacionado à Universal. Há indícios de que se tratavam de "contas-ônibus", que abrigam recursos de diferentes empresas e pessoas brasileiras.
Outro lado
O advogado da Igreja Universal, Antônio Sérgio de Moraes Pitombo, afirma que seu cliente nunca fez remessas ilegais de dinheiro para o exterior.
Segundo o criminalista, o Ministério Público do Estado de São Paulo está usando fatos antigos, já investigados pela Polícia Federal e arquivados por falta de provas.
Leia a reportagem completa na Folha desta terça-feira, que já está nas bancas.

sábado, novembro 14, 2009

MISSIONÁRIO BATISTA DELBERT CANRIGHT: UM VISIONÁRIO DE DEUS.

Missionária Alice Canright


Pastor Esteliano, seu filho Ediel, Missionária Alice, Edizinete
de Sousa, e Andrea Denise, filha da missionária.

Templo da Igreja Batista Central em Barretos.

Quando o Brasil foi “descoberto” (tomado de assalto) por Pedro Álvares Cabral e seus capatazes, com ele veio um representante do catolicismo romano com o objetivo de catequizar os verdadeiros donos deste mais novo território desconhecido pelos europeus, conhecidos como Silvícolas, posteriormente denominados de Índios. O nome do representante religioso que rezou a primeira missa em solo brasileiro em 26 de abril de 1500 era frei Henrique Soares, dando assim, início a implantação da doutrina do catolicismo romano.

No dia 12 de dezembro de 1968, desembarca no Brasil o Missionário Batista, Pastor Delbert Canright e sua família composta por Alice, sua esposa, e seus quatro filhos Danny, Darrell, Dell e Alisa DeLynn. Sua missão era trazer a verdadeira doutrina de Cristo aos brasileiros, através do ensino da Palavra de Deus, usando única e exclusivamente a Bíblia Sagrada. A princípio passou por Manaus, capital do Amazonas, ficando umas três semanas com os colegas pastores naquela cidade visitando as igrejas deles onde sentiu um forte desejo de apressar o estudo da língua portuguesa para falar de Cristo ao povo brasileiro ao qual Deus o chamou.
Chegando na cidade de São Paulo num domingo de manhã, todos tontos e com mal estar geral devido ao vôo um pouco turbulento, pois, fora a primeira viagem de avião que a família Canright estava fazendo. Só o Pastor foi na igreja e o seu coração de novo bateu forte sentindo a necessidade do povo deste grande país.
Ficou na casa do casal Pickett até que ele se mudou para o interior e alugando um casa onde passou a morar com sua família na atual Avenida dos Bandeirantes, na época uma ruazinha de terra. O Pastor e sua esposa Alice, entraram na escola de línguas para missionários e seus quatros filhos entraram na escola Academia Cristã Pan Americana – PACA, uma escola fundada para filhos de missionários estrangeiros. Naquele ano trabalhou na 1ª Igreja Batista do Parque Bristol fundada pelo missionário Clifford New. Durante este tempo aprendeu a língua, os costumes e a cultura do povo brasileiro e aprendeu a amar muito mais este povo carente do evangelho de Cristo. O coração ardeu com vontade de poder comunicar a estas pessoas carinhosas, sorridentes e hospitaleiras que o recebeu juntamente com sua família tão bem.
Chegando quase no fim de completar o estudo da língua, o casal começou a orar buscando a vontade de Deus para o lugar de Sua escolha para ele trabalhar. O Pastor Jaime Rose, de Ribeirão Preto, tinha um programa na rádio que era transmitido também na cidade de Barretos. O casal Elpídio Gomes o assistia e entrou em contato com o Pastor desejando que ele ajudasse a procurar um missionário Batista Independente para fundar uma Igreja na cidade onde morava. O Pastor Rose escreveu para o Pastor Delbert e este entrou em contato com o casal Gomes. Uma data foi acertada para um culto na casa dele e o Pastor Dosoaldo Agnesini foi junto e pregou naquele culto que contou com um bom grupo de pessoas. No dia 02 de novembro de 1969, uma segunda visita foi feita e mais um culto realizado no quintal do casal Gomes. O Pastor Delbert orou a Deus pedindo que se fosse a vontade dEle que ele começasse um novo trabalho nesta cidade, que salvasse alguém nesse culto quando pela primeira vez, pregou na língua portuguesa. Mais uma vez um bom grupo compareceu e um bom culto foi realizado. Quatro adultos confessaram a Cristo como Salvador pessoal de suas vidas, um deles um senhor de 84 anos chamado Melquisedeque. Certo da vontade de Deus, o casal voltou a São Paulo, formou-se da escola de línguas no dia 19 de novembro de 1969 e começou a preparar a mudança para Barretos.
Irmão Elpídio Gomes ajudou a encontrar uma casa bem no centro da cidade, na Avenida 21, 1087 e no dia 11 de fevereiro de 1970, o casal se mudou. No velho Rural Willys chegaram a Barretos a família toda com bastante bagagem e o cachorro “Snippy”, parecendo a “Família Buscapé”! Risos. Todos dormiram no chão da garagem aguardando a mudança que logo chegara de caminhão.
Depois de muitas visitas nas casas de pessoas conhecidas pelo casal Gomes, que estavam afastadas do evangelho, o primeiro culto foi realizado na garagem da casa na Avenida 21 e contou com a presença de 35 pessoas. Os primeiros bancos foram feitos de latas grandes de óleo com tábuas emprestadas por cima e essas forradas com cobertores. No dia 15 de março de 1970 realizou-se a primeira Escola Bíblica Dominical com 31 pessoas presentes e 52 no culto da noite. A Igreja Batista Bíblica, o seu primeiro nome, cresceu e na residência do casal atingiu até 130 pessoas no culto e de 70 a 80 na Escola Bíblica. Várias classes foram formadas e muitas pessoas aceitaram a Cristo como Salvador. Logo fez-se necessário a mudança para um lugar maior.
Um salão e uma casa grande foram alugados na Rua 30 com a esquina da Avenida 17 e a Igreja continuou a crescer. O nome da Igreja foi substituído por “Igreja Batista Independente”. Chegou o tempo das férias do casal Canright e foi procurado um pastor e/ou obreiro para cuidar da Igreja na sua ausência. O Pastor Aloísio Batista de Souza assumiu as atividades da Igreja durante a ausência do Pastor Delbert. Na ausência do Missionário e sua esposa Alice, aconteceram alguns problemas que contribuíram para a decadência do trabalho e a baixa freqüência das pessoas e até mesmo afastamento de muitos membros da Igreja como de visitantes. Logo que o casal retornou de suas merecidas férias, seu peculiar desempenho na obra de Deus, fez recuperar o trabalho do Senhor e a Igreja voltou a crescer de tal forma que surgiu a necessidade de se comprar uma propriedade para acolher “os que a cada dia o Senhor acrescentava os que iam sendo salvos”. Assim, foi comprado um lote na Avenida 17, 1467 entre as Ruas 32 e 34. Logo em seguida foi comprado o segundo lote ao lado e mais tarde o dos fundos com a frente para a Rua 34. O terreno foi murado e começou a se pensar na construção do templo. Um construtor foi contratado e a construção se iniciou. Adiantou-se ao primeiro construtor a quantia de CR$ 30.000,00 (US$ 5.000,00) e o alicerce do templo foi sendo construído. Infelizmente por vários motivos (falta de documentação em dia e por desonestidade da parte do construtor), a obra foi embargada pela prefeitura e o dinheiro gasto foi perdido. Um segundo construtor foi contratado e as paredes do templo começaram a ser levantadas. Durante um forte temporal, tudo foi ao chão. Recomeça-se a obra e a Igreja mudou-se usando o novo templo só com as paredes erguidas. Aos poucos se concluiu essa primeira etapa. O terreno, e o pequeno templo foram dedicados ao Senhor. A Palavra foi pregada e ensinada e a Igreja cresceu. A freqüência chegou a 178 pessoas em uma conferência realizada pelo Pastor Josué Félix, de São Paulo. Muitas pessoas confessaram a Cristo e várias desceram às águas batismais. A Igreja foi organizada oficialmente em setembro de 1975 com vários membros e mais uma vez, seu nome foi substituído por “Igreja Batista Central”, devido a sua localização. Sentindo a necessidade de entregar a Igreja a um Pastor brasileiro, o casal novamente saiu de férias e no seu retorno, mudou-se para a capital onde fundou em Abril de 1983, o templo da Igreja Batista em Vila São José. Hoje o casal Canright, estão em gozo de sua merecida aposentadoria em seu país de origem, fazendo das palavras do Apóstolo Paulo as suas palavras: “Combati o bom combate, completei a carreira, e guardei a fé”. 2º Timóteo 4:7.
A Igreja Batista Central de Barretos, foi surpreendida no culto de oração a noite, na última quarta-feira, dia 11 do mês em curso, com a presença da Missionária Alice Canright, acompanhada por uma de suas filhas, depois de mais de uma década de retorno a América, o que deixou os presentes muito felizes. Felicidade maior ainda para o Pastor Esteliano de Moraes Sousa que atualmente está no comando da Igreja, porque além do mesmo está dando prosseguimento a obra que a família americana Canright fundou nesta cidade de Barretos, existe o vínculo familiar com esses servos do Senhor como genro dos mesmos. Seu primeiro casamento foi com uma de suas filhas Alisa Delynn Canright, que já está na glória (atualmente é casado com a irmã Edizinete Rocha de Sousa tendo um filho adolescente com a mesma Ediel Rocha de Sousa), mas deixou como herança de um matrimônio abençoado por Deus, uma filha que mora nos Estados Unidos que recentemente lhe deu um netinho que recebeu o nome bíblico de Calebe.

Rogamos a Deus que muitos crentes em Jesus Cristo tenham a disposição desse casal americano que dedicou parte de sua vida a causa do evangelho, trazendo ao Brasil o conhecimento da Palavra de Deus através da pregação da verdadeira doutrina de Cristo que está ao alcance de todos na Bíblia sagrada.

Deus seja louvado! A Ele, toda a honra e toda a glória!